De acordo com informação facultada pelo Serviço Regional de Proteção Civil IP-RAM vimos por este meio alertar a população que durante as próximas 48 h, aproximadamente, o estado do tempo no Arquipélago da Madeira será condicionado pela ação conjunta do anticiclone dos Açores, centrado a norte da região dos Açores e de depressões sobre a Península Ibérica e sobre o noroeste de África, que transportam ar frio polar marítimo modificado.

Esta situação dará origem a grande nebulosidade, chuva ou aguaceiros pontualmente moderados, vento forte e mar agitado.

O vento será temporariamente muito forte (50 a 65 km/h), em especial a partir da madrugada do dia 7 (quarta-feira) e o fim da tarde do dia 8 (quinta-feira).

Associado a esta situação de vento forte, prevê-se para os dias 7 (quarta-feira) e 8 (quinta-feira), para a costa norte da ilha da Madeira e Porto Santo, ondas de norte com 4 m a 6,5 m.

Madeira-Porto Santo
Aviso Laranja
Agitação Marítima: Ondas de norte com 5 a 6,5 metros.
Válido entre 2018-02-07 08:59:59 e 2018-02-08 08:59:59 (hora UTC) Laranja

Vento
Aviso Laranja
Vento forte de norte com rajadas ate 100 km/h.
Válido entre 2018-02-07 08:59:59 e 2018-02-07 23:59:59 (hora UTC) Amarelo

Agitação Marítima
Aviso Amarelo
Ondas de norte 4 a 4,5 metros.
Válido entre 2018-02-06 07:09:00 e 2018-02-06 14:59:59 (hora UTC)

O Serviço Municipal de Proteção Civil do Porto Santo alerta para as seguintes recomendações:
– Adotar uma condução defensiva, reduzindo a velocidade e tendo especial cuidado com a possível formação de lençóis de água;
– Garantir a desobstrução dos sistemas de escoamento das águas pluviais e retirada de inertes e outros objetos que possam ser arrastados ou criem obstáculos ao livre escoamento das águas;
– Os riscos que representam, com estas condições, os percursos auto e apeados, sobretudo nas zonas montanhosas, vertentes expostas e zonas costeiras pelo que aconselha cuidados especiais nas atividades durante o período em que vigora o aviso
– Ter especial cuidado na circulação e permanência junto de áreas arborizadas, estando atento para a possibilidade de queda de ramos ou árvores e outros detritos para a faixa de rodagem;
– Danos em infraestruturas montadas ou suspensas;
– Atendendo à forte ondulação, é de evitar circular nas zonas costeiras (falésias, escarpas, vias marginais, passeios marítimos, praias).
– Estar atento às informações da meteorologia e às indicações da Proteçao Civil e Forças de Segurança.
– Recolher todas as embarcações de recreio no porto de abrigo;

(Fonte: SRPC, IP-RAM)

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here